Menu

Marketing

EndoGoogleMarketing

De todas as teorias aplicadas à gestão de pessoas uma das mais eficientes é: você deve empenhar-se na conquista de seus colaboradores assim como se aplica à conseguir novos. No caso do Endomarketing, para que se venda mais, os funcionários devem acreditar na própria empresa e no produto ou serviço que oferecem.

Quando o Endomarketing é bem aplicado a comunicação, ela torna-se muito mais clara e todos os colaboradores empenham-se em atingir os objetivos da empresa. Utilizando estratégias de Marketing e Recursos Humanos, ele engaja, motiva, cria laços e incrivelmente aumenta o rendimento individual e coletivo dentro de cada setor. Essa mudança de comportamento acarreta também na diminuição de turnover, expressão utilizada para definir a rotatividade de empregados dentro de uma organização. Funcionários que se sentem valorizados tendem à não deixar a empresa.

Uma das maiores empresas do mundo que aplica o Endomarketing em seu dia a dia é a gigante Google. Conhecida por promover qualidade de vida no ambiente de trabalho para seus colaboradores, a Google adaptou toda a cultura da empresa para proporcionar a melhor experiência ao seu funcionário, fazendo com que ele se desenvolva e, juntamente com a empresa, inove e continue em exponencial crescimento.

Mas qual é o segredo do sucesso da Google entre seus funcionários? Além dos já conhecidos lanchinhos, vales-presentes, video-games e áreas de lazer, existem alguns projetos de extrema importância para o desenvolvimento do funcionário. Uma das iniciativas mais eficazes é a implantação das Tech Talks, conversas e workshops semanais ministrados pelos próprios funcionários. Além de promover um interessante compartilhamento de ideias, o colaborador-palestrante sente-se importante e valorizado pela equipe.

Embora algumas iniciativas da empresa sejam exaltadas, existem certos pontos polêmicos que valem a reflexão. Um dele, por exemplo, é o Passion Project, também conhecido como 20 Percent Project. Na teoria, cada funcionário tem aval e liberdade para dedicar 20% de seu tempo mensal para aplicar-se à projetos de autoria própria, sempre agregando valor à empresa. É um incentivo incrível ao crescimento do colaborador, que mantém-se em movimento e sempre atento à novas possibilidades de expansão do negócio. Porém, embora na teoria seja um projeto incrível, na prática é quase impossível de ser realizado.

Pensando em manter seus talentos dentro da empresa e usando o 20 Percent Project como base, a Google criou a Area 120, uma incubadora de startups e projetos individuais de seus funcionários. Funciona da seguinte forma: o colaborador envia seu projeto e plano de negócios. Se aprovado, o Google assume os investimentos e dá estrutura para que seu funcionário dedique-se à sua startup em tempo integral. Caso o projeto não tenha êxito, o funcionário continua efetivo dentro da empresa. Essa iniciativa é mutualmente benéfica, pois enquanto o Google mantém seus melhores funcionários dentro da empresa, possibilita novas oportunidades de empreendimento e crescimento para esses empregados.

Este é um grande exemplo que mostra que o sucesso e o crescimento constante da Google não estão somente ligados à relação que a empresa criou com seu funcionário, mas também com a admiração que criou nas pessoas que nunca trabalharam lá. Nesse caso, o Endomarketing funcionou perfeitamente: conquistaram primeiramente seus colaboradores e, consequentemente, todos os seus clientes.

Tags:,
0 Comments Leave a reply

    Leave a comment

    Your comment(click button to send)

    ToThink | Agência de Comunicação e Eventos
    Share

    This is a unique website which will require a more modern browser to work!

    Please upgrade today!

    UA-80589820-1